Oxente, mainha!

Ontem eu postei no IG e compartilhei no Face a seguinte declaração.

Sou nordestina e chamo a minha mãe de mainha. Mas o meu filho me chama de MAMÃE. E acharia estranho se ele me chamasse de mainha. É tão doce ouvir mamãe. #váentender#neurademãe

Ora, vou me explicar: acharia estranho se da noite pro dia Théo começasse a me chamar de mainha.

Pois todos esses anos ele me chama docemente de mamãe (ou seja, estou acostumada).

O mesmo aconteceria caso fosse o contrário (de mainha para mamãe).

Mãe, mamãe ou mainha a emoção é única!

keep-calm-and-oxente-mainha

Hoje é o Dia do Nordestino*.

Para quem ainda não sabe, sou Potiguar.

Nasci e sempre morei aqui em Natal.

Tenho muito orgulho de ser nordestina.

Principalmente, do meu sotaque carregado de riqueza histórica.

Mas aqui em casa é uma mistura regional, porque marido é do Ridijanêro.

Imagina aí a ginástica facial do carioca para falar CUSCUZ.

Por falar nisso, comida nordestina tem borogodó.

Théo quase todo dia come tapioca (diz ele que a boca fica em festa)!

Somos parte do Brasil que ralou para conseguir o sustento.

Nossa história é digna de reconhecimento e respeito.

E viva a diversidade cultural, viva a cultura nordestina!

*A data foi instituída em homenagem ao centenário do nascimento de Patativa do Assaré.

Anúncios

2 comentários em “Oxente, mainha!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s